top of page

News #162 | BlackRock investe US$ 550 milhões em projeto que retira CO2 do ar + Novidades da OpenAI

Alguém encaminhou a #SnaqNews pra você? Se inscreva e se junte aos +30 mil leitores!



☕ Pega o café e vem começar a semana bem informado, com a melhor curadoria de inovação!



📈 Ações tokenizadas | Plamev Pet capta R$ 5,4 milhões em IPO de ações tokenizadas. Fundada em 2013, a empresa atua no segmento de saúde preventiva para pets. A operação superou em 30% o volume mínimo inicial, de R$ 4,2 milhões. Foi a 3ª ação tokenizada negociada na BEE4, junto com a Engravida (rede de clínicas) e a Mais Mu (foodtech). A plataforma faz parte do Sandbox Regulatório da CVM para viabilizar a listagem de PMEs.


📲 Pagamento no WhatsApp | Liquido recebe autorização do Bacen para atuar como Instituição de Pagamento. A fintech poderá atuar sem intermediários sua solução focada em e-commerce, o Payment Plus. Com ela, varejistas podem criar um e-commerce dentro do próprio WhatsApp para vender produtos sem que o consumidor precise sair do aplicativo e com poucos cliques.

  • A Liquido atua no mesmo segmento que Stripe e passará a competir com dLocal e EBANX no Brasil. Estima-se que fintech americana transaciona US$ 1 bilhão por ano no país.


🛴 Fim dos patinetes | Justiça decreta falência da Grow. Em 2020, a startup de aluguel de bicicletas e patinetes elétricos entrou com pedido de recuperação judicial, depois de fechar a operação em 14 cidades e acumular uma dívida de R$ 38 milhões.

  • Em 2019, a Yellow fundiu as operações com a mexicana Grin, dando origem à Grow. Juntas, elas chegaram a ter 910 mil usuários ativos, 1.300 colaboradores e uma frota de 25 mil bicicletas e patinetes elétricos em 20 cidades brasileiras.


🏦 Crédito para todos | Mercado Pago capta US$ 466 milhões para ampliar sua oferta de crédito no Brasil e no México. O financiamento privado foi liderado pelas subsidiárias do Citi (Banco Citibank S.A. e Citibanamex). Ao todo, o banco digital do Mercado Livre tem 50 milhões de usuários ativos na América Latina. Em setembro, sua carteira de crédito na região era de US$ 3,4 bilhões (+22,6% A/A).



É comum encontrar pessoas que procuram a Snaq atrás de reports sobre inovação, tecnologia e startups, seja para se manter atualizado ou para adquirir conhecimento. Pensando nisso, desenvolvemos o SnaqBase, nossa curadoria com os melhores reports do setor.


➡️ O acesso ao SnaqBase ainda é limitado e estamos abrindo 50 vagas exclusivas. Para ser um dos primeiros usuários do SnaqBase, clique aqui!



💳 Gestão financeira | iugu capta R$ 71 milhões via FIDC. Fundada em 2012, a fintech oferece soluções de gestão e automação financeira. Hoje, o FIDC da iugu possui um patrimônio de R$ 180 milhões para antecipar a agenda de seus clientes. Em 2020, a iugu captou R$120 milhões junto ao Goldman Sachs e recebeu a licença do Bacen para operar no Brasil como IP.


🪙 Cripto em pauta | Galactic Holdings capta R$ 30,5 milhões. Fundada em 2019, a holding mexicana é controladora da plataforma TruBit, que facilita a conversão de moedas fiduciárias e criptomoedas. A rodada Série A foi liderada pela Galaxy Interactive e DragonFly, com participação da SHK. O valor será direcionado para acelerar sua expansão na América Latina e ampliar o portfólio com soluções de pagamentos locais e internacionais, remessas e OTC.


💵 Crédito para PMEs | Barte capta R$ 20 milhões via debênture. Fundada em 2021, a fintech é especializada em pagamentos B2B para PMEs. A captação visa reforçar suas operações de crédito. Desde o início do ano, a Barte já liberou R$ 60 milhões. É a 3ª captação feita pela Barte em 12 meses, depois de duas rodadas equity — R$ 16 milhões (março) e R$ 6,5 milhões (2021).


🍎 Sem desperdícios | Food To Save capta R$ 14 milhões. Fundada em 2021, a foodtech criou um marketplace que conecta 2 milhões de consumidores a 4.000 estabelecimentos que têm produtos próximos ao vencimento ou que não foram consumidos. A rodada foi liderada pela liderada pela DSK Capital, com participação das gestoras Spectra e HiPartners.


🚗 Mobilidade inteligente | Able-On capta R$ 7 milhões. Fundada em 2019, a mobtech criou uma plataforma de inteligência avançada que aplica IA, big data e IoT em operações de mobilidade. A rodada finalizada foi liderada pela ITA Frotas. Entre as soluções oferecidas pela Able-On, estão a análise de padrões comportamentais de motoristas e dados em tempo real.


💪 Força para crescer | Mais Mu capta rodada junto à BAT Brasil. Fundada em 2014, a foodtech faz alimentos saudáveis e suplementos. A rodada foi realizada pelo braço de CVC da BAT (antiga Souza Cruz). O valor não foi divulgado e seu valuation (pré-money) é de R$ 125 milhões. Além do investimento, a BAT Brasil entra como parceira estratégica de growth, levando os produtos da Mais Mu em 140 mil pontos de venda.



🔨 Gestão de leilões | Superbid adquire Leilões Web. Com 100 mil leilões já realizados pela Leilões Web, a aquisição visa unir sinergias em uma só plataforma para atender 300 leiloeiros. Fundada em 1999, a Superbid foi uma das primeiras plataformas de leilões via internet. Seu portfólio inclui carros, imóveis, artes, equipamentos industriais, dentre outros. Em 2022, a Superbid movimentou R$ 4 bilhões. O valor da operação não foi divulgado.


🌐 Soluções em blockchain | Lumx e Omnes Consulting fazem fusão das operações. A Lumx oferece soluções de tokenização e web3 para campanhas de marketing, games e programas de fidelidade de empresas — inclui nomes como Ambev, Coca-Cola e Nestlé. Já a Omnes atua com desenvolvimento de softwares e educação em web3. A operação visa unir sinergias para expandir a oferta de produtos e serviços para empresas clientes.


🩺 Contabilidade para médicos | Sinaxys e Agility fazem fusão. A Sinaxys, startup que desenvolveu um aplicativo de recrutamento de profissionais do setor de saúde, adquiriu uma fatia de 15% da Agility (avaliada em R$ 1,3 milhão). Com a operação, visa lançar o Sinaxys Contabilidade, a fim de ampliar seu ecossistema com soluções contábeis para esse público.



🤖 Nova IA | Elon Musk anuncia o lançamento do Grok. Criada pela xAI, startup de IA liderada por Elon Musk, a ferramenta de IA generativa foi lançada para competir com o ChatGPT e ser integrada à rede social X (antigo Twitter). Segundo a empresa, o Grok “responde questões de forma mais natural e com um ar rebelde, pois também responde perguntas consideradas proibidas em outras plataformas”.


📢 Evento DevDay | OpenAI apresenta novas ferramentas de IA no evento DevDay. Sam Altman, CEO da OpenAI, apresentou as atualizações do GPT e novas ferramentas de IA feitas em parceria com a Microsoft. O evento também teve a presença de Satya Nadella, CEO da Microsoft. Entre as novidades, estão o GPT-4 Turbo (versão mais barata e com dados atualizados) e a criação de GPTs personalizados, que poderão ser vendidos na "Loja GPT".


📲 Smartphone do futuro | Humane divulga preço e detalhes do AI Pin. O dispositivo sem tela que promete substituir smartphones custará a partir de US$ 699 e assinatura do sistema integrado de IA e ferramentas é de US$ 24 por mês. Ele pode ser controlado por voz, toque ou projeção de um display a laser. Com ele, os usuários podem enviar mensagens de texto, tocar músicas, tirar fotos, fazer chamadas e traduzir conversas em tempo real.

  • Para desenvolver o AI Pin, a Humane recebeu US$ 240 milhões em investimentos, obteve 25 patentes e fechou parcerias com grandes empresas de tecnologia (inclui OpenAI, Microsoft e Salesforce).


🍎 Vendas menores | Apple supera estimativas, mas ações caem 4% no after market. Apesar da queda das vendas na China (2º maior mercado da Apple), as vendas globais de iPhone (~50% da receita total) vieram acima das estimativas no 3T23. O destaque positivo foi a divisão de Serviços. Porém, a Apple sinalizou que as vendas do próximo trimestre devem ser menor que o esperado, especialmente nas divisões de hardware (iPad, Mac e iPhone).

  • Vendas (total): US$ 89,4 bi (-1% A/A) | Lucro: US$ 22,9 bi (+11% A/A)

  • Vendas iPhone: US$ 43,8 bi (+3% A/A) | Serviços: US$ 22,3 bi (+16% A/A)


🛍️ Varejista tech | Mercado Livre bate recorde de resultados. As cifras recordes da companhia argentina foram acompanhadas de um aumento da base de usuários (120 milhões, +35% A/A), crescimento das vendas (357 milhões de itens vendidos, +26% A/A), melhora nas margens e redução de custos operacionais no 3T23.

  • GMV (e-commerce): US$ 11,4 bi (+59% A/A) | TPV (fintech): US$ 47,3 bi (+121% A/A)

  • Receita: US$ 3,8 bi (+69% A/A) | Lucro: US$ 359 mi (+10% A/A)


🟠 Superapp rentável | Inter supera estimativas do consenso com lucro recorde. Foi o maior resultado líquido da história da fintech, com um ROE de 5,7%. Isso é reflexo da capacidade de rentabilizar seu superapp. Entre os produtos da carteira de crédito que mais cresceram no período, estão FGTS (+23% A/A), cartão (+13%) e home equity (+10%).

  • 29,4 milhões de clientes (+29% A/A)

  • Receita: R$ 1,2 bi (+48% A/A) | Lucro: R$ 104 mi (vs. prejuízo R$ 30 mi no 3T22)


🌱 Agenda ESG | BlackRock investe US$ 550 milhões em projeto que retira CO2 do ar. Através de uma joint venture formada com a 1PointFive, a maior gestora do mundo investirá na planta Stratos. A unidade deve entrar em operação até 2025, com capacidade de remover até 500 mil toneladas de carbono da atmosfera por ano. Entre as empresas que assinaram contratos para comprar os créditos de remoção de carbono via Stratos, estão Airbus e Amazon.


🔴 Crise da FTX | Sam Bankman-Fried é condenado por fraude na FTX. O julgamento teve início em outubro e SBF foi declarado culpado das sete acusações de fraude e conspiração feitas contra ele. Juntas, elas podem somar uma pena de 100 anos de prisão. Conhecida com uma das maiores fraudes financeiras dos Estados Unidos, o caso da FTX gerou prejuízo de US$ 8,9 bilhões.


💵 De olho no IPO | Shein mira valuation de até US$ 90 bilhões em IPO. A cifra supera o valuation alcançado na última rodada, registrada no início do ano, no valor de US$ 64 bilhões. A varejista protocolou pedido do IPO em junho, mas ainda não há uma previsão de quando a abertura de capital ocorrerá, dada a volatidade do mercado.

  • Para fortalecer a sua tese, a Shein informou aos seus investidores que atingirá uma receita anual de US$ 58 bilhões até 2025 — o dobro da cifra registrada em 2022 e acima das gigantes do varejo H&M e Zara.


🧠 Chip cerebral | Neuralink busca voluntário para 1º teste com implantes cerebrais. Uma parte do crânio do voluntário será removida por um cirurgião e, em seguida, um robô inserirá um dispositivo no cérebro. Se concluído com sucesso, será um divisor de águas nos esforços da empresa de Elon Musk em converter a atividade cerebral humana em comandos realizáveis por um computador.


留言


news.png
Receba a principal curadoria do ecossistema de inovação

Newsletter semanal e carta de análise mensal, no seu e-mail, com tudo o que você precisa saber!

bottom of page