top of page

News #157 | Smartphone do futuro + BNDES seleciona fundos para investir R$ 638 mi em startups

Alguém encaminhou a #SnaqNews pra você? Se inscreva e se junte aos +30 mil leitores!

☕ Antes de conferir a melhor curadoria de inovação, a Snaq quer ouvir sua opinião sobre nossos conteúdos. Seu feedback é importante e leva apenas 2 minutos para responder aqui!



💡 Ranking de inovação | Brasil volta a ficar entre 50 economias mais inovadoras do mundo. O país ganhou cinco posições no IGI (Índice Global de Inovação) no último ano e ocupa a 49ª posição do ranking geral — que considera 132 países — e a 1ª posição no ranking da América Latina. Entre os primeiros colocados do ranking estão Suíça, Suécia e Estados Unidos.


💵 Investimento em inovação | BNDES seleciona fundos para investir R$ 638 milhões em startups e PMEs no país. Das 38 propostas recebidas pelo BNDESPar, foram selecionados dois fundos de capital seed (empresas com faturamento de até R$ 16 milhões) e quatro de venture capital (faturamento de até R$ 300 milhões).

  • A iniciativa deve mobilizar mais R$ 2,1 bilhões originados da iniciativa privada. O montante visa fortalecer o mercado de capitais, o ecossistema de inovação e as empresas de base tecnológica nacionais. Entre os nomes selecionados, estão Astella, Noon Capital, Good Karma Ventures e DNA Capital (fundos VC), KPTL, Cedro Asset, Antler e Patagonia (Seed).


🌱 Novo fundo VC | Latitud prepara novo fundo de R$ 125 milhões. O Latitud Ventures Fund II será direcionado para investimentos em startups latino-americanas nos próximos três anos. A meta é investir em 50 startups em estágio pré-seed e seed. O 1º fundo do Latitud Ventures atraiu tanto investidores regionais quanto globais — inclui executivos da16z, Kavak, Nubank, Brex, iFood, Creditas, Rappi e Mercado Livre.


🎯 Open Finance | 4ª fase do Open Finance começa com 27 milhões de clientes e 40 milhões de consentimentos ativos. A partir de agora, os clientes bancários poderão compartilhar suas dados sobre investimentos entre as instituições financeiras. Esses dados são usados para oferecer ao consumidor melhores ofertas de produtos e serviços personalizados e com melhores custos.

 

Em parceria com a Finbits e o BTG Pactual, a Snaq lançou um novo report sobre Finanças Conectadas e Fintechs B2B no cenário de 2023.


Nesse material, você encontrará conteúdos sobre:

  • Panorama global dos processos financeiros

  • Desafios atuais e os impactos na área financeira

  • Tech Stack de finanças para empresas conectadas

  • O que os líderes de finanças precisam dominar nos próximos anos

➡️ Acesse o material completo aqui!


🏠 Gestão de condomínios | CondoConta capta R$ 30 milhões. Fundada em 2020, a fintech oferece soluções bancárias para condomínios. Desde então, movimentou R$ 500 milhões em transações para 3.000 condomínios clientes. O valor está dividido em equity e crédito, mas os termos não foram divulgados. A operação foi liderada pela EXT Capital.


🪙 Tokenização em pauta | Liqi capta R$ 13 milhões. Fundada em 2021, a startup oferece soluções em blockchain e tokenização de ativos. A rodada foi liderada pela Galapagos Capital, com participação da Kinea Ventures. Com o aporte, visa expandir seus negócios e ultrapassar R$ 250 milhões em ativos tokenizados em 2023.


🚪 Portaria virtual | RBS Ventures investe R$ 9 milhões em nova empresa de segurança, criada via fusão entre VPort e Maguen. Juntas, as duas empresas respondem por 30% do mercado de condomínios com portaria virtual na cidade de Porto Alegre (RS). O valor será direcionado para incrementar o portfólio da nova marca, que será anunciada em breve.


  • Brota capta R$ 1 milhão. Fundada em 2020, a greentech oferece soluções de hortas inteligentes. A captação da rodada bridge foi realizada via EqSeed. Entre os investidores, estão executivos da Ambev, Fazenda Futuro, Sallve, Loft, Gympass e Nubank.

  • Positiv.a abre rodada de equity crowdfunding via Kria. A expectativa da empresa de produtos de limpeza e autocuidado ecológicos é captar R$ 9 milhões a um valuation (pré-money) de R$ 45 milhões. O investimento mínimo é de R$ 5 mil.

  • Se o valor esperado for captado, a Positiva.a baterá recorde de crowdfunding no Brasil, superando em R$ 1,5 milhão a rodada feita pela EqSeed em agosto.

  • Regulamentado desde 2017 no Brasil, o mercado de investimento coletivo (equity crowdfunding) já movimentou mais de R$ 400 milhões país. Nos Estados Unidos e na Europa, essa cifra supera a marca de R$ 10 bilhões.


💵 Meio bilhão | BTG adquire 100% da Órama por R$ 500 milhões. Fundada em 2011, a Órama foi a 1ª plataforma do Brasil dedicada exclusivamente à distribuição de fundos de investimento. Posteriormente, integrou produtos de renda fixa, variável e previdência. Com a aquisição, o BTG adiciona R$18 bilhões em ativos sob custódia e 360 mil clientes ao seu braço digital.

  • Nos últimos 10 anos, o BTG realizou diversas aquisições — destaque para Ourinvest, Nécton, Vitreo e Magnetis. As iniciativas visam trazer ainda mais ganhos de escala e ampliar a base de clientes.


🌱 Agenda ESG | L4 Venture Builder nova Bolsa para comercialização de energia. Denominado de N5X, o negócio foi estabelecido no formato de joint venture entre L4 Venture Builder (fundo de investimentos criado pela B3) e Nodal, empresa do grupo EEX. O Brasil é o 6º maior mercado consumidor de energia elétrica do mundo e 83% das fontes de energia no país são renováveis — diferencial para companhias estrangeiras, que buscam a descarbonização.


📊 Big data + IA | Grupo Stefanini adquire 100% da Tatic, que oferece soluções de IA, analytics e big data tem presença em diversos países da América Latina. Foi a 3ª operação de M&A do Grupo Stefanini. A empresa de tecnologia tem como objetivo investir R$ 1 bilhão em aquisições até 2026 — o dobro do dinheiro direcionado para M&A entre 2020 e 2022.


🚲 Mobilidade com saúde | Gympass e Tembici fecham parceria. Alinhados com o objetivo de ampliar o acesso a serviços bem-estar, os usuários do Gympass agora terão acesso a bicicletas comuns e elétricas. 58% dos ciclistas utilizam a bicicleta como meio de transporte para ir ou voltar do trabalho, segundo dados da Tembici. Os principais motivos citados pelos ciclistas foram conforto (39%), saúde (23%) e economia de tempo e dinheiro (20%).


💡 Inovação industrial | Sebrae e Embrapii celebram novo acordo. Desde 2017, as duas instituições fecharam quatro acordos para investir em projetos de inovação industrial. O novo contrato mobilizará R$ 116 milhões para 700 projetos, para promover o crescimento de micro e pequenas empresas no Brasil. As empresas selecionadas também serão incentivadas a investir nos projetos, totalizando mais R$ 390 milhões em investimentos.


🎯 Novo foco | Visa Ventures investirá R$ 500 milhões em IA. Desde 2007, o braço de investimentos corporativos da Visa investe em soluções inovadoras em meios de pagamento e comércio. A partir de agora, terá como foco IA generativa também. Com isso, a Visa se junta às big techs na corrida da IA generativa.


🧠 Mais inteligente | CEO do SoftBank diz que AGI chegará nos próximos 10 anos. Masayoshi Son disse que dados os recentes avanços da IA generativa, a inteligência artificial geral (AGI) logo pode se tornar realidade. O executivo também destacou o papel central da Arm na revolução da IA — a empresa de arquitetura de chips fez IPO em setembro e é subsidiária do SoftBank.

  • O termo AGI se refere à inteligência artificial que superará a inteligência humana em quase todas as áreas, inclusive compreender e sentir emoções.


📲 Smartphone do futuro | Humane mostra Ai Pin no Paris Fashion Week. Fundada em 2017 por ex-funcionários da Apple, a empresa desenvolveu um dispositivo vestível, compacto e integrado com IA avançada que promete ser o “futuro do smartphone”. A novidade traz uma variedade de sensores, que permitem interações computacionais contextuais e ambientais.


🔴 Dívida milionária | Ações da WeWork caem 24% após pular pagamento de dívida. No dia 3 de outubro, a empresa deveria ter pagado US$ 95 milhões em juros de títulos de dívidas e não realizou a quitação. Em nota à SEC, a WeWork disse que tem a liquidez necessária para realizar os pagamentos dos juros e pode fazê-lo no futuro. Porém, optou por não quitar a dívida sob a justificativa de preservar caixa.


🏠 Novo negócio | CEO do Airbnb diz que o modelo inicial do negócio está quebrado. Brian Chesky, CEO do Airbnb, disse que a empresa está “arrumando a casa”, apostando em programas de fidelidade, locações de longo prazo e outras melhorias para atrair anfitriões e hóspedes.

  • O atual cenário é desafiador para o Airbnb, dados o aumento dos preços de locação de imóveis de curto prazo e a ampliação da concorrência no setor. A empresa também foi penalizada pelas mudanças de regras sobre aluguel em Nova York, que representava 80% do seu negócio inicial.


📖 Mercado de audiobooks | Spotify integra audiobooks na plataforma. A novidade traz 150.000 títulos sem custo adicional para assinantes premium do Reino Unido e Austrália, que poderão ser usados por 15 horas por mês. As outras regiões serão integradas em breve. A entrada do Spotify no mercado de audiobook pode impactar o domínio da Audible, que pertence à Amazon.


Commenti


news.png
Receba a principal curadoria do ecossistema de inovação

Newsletter semanal e carta de análise mensal, no seu e-mail, com tudo o que você precisa saber!

bottom of page